PAU-DE-CANGA 2.jpg

Pau de Canga

Machaerium stipitatum

Família: Fabaceae

Nativa do Brasil

Botânica: Árvore perenifólia, espécie secundária inicial, altura de 10-20 metros, com ramos lenticelados e tronco fenestrado de 40-50 cm de diâmetro, revestido por casca pardo-acinzentada. As folhas são compostas e imparipenadas. com raque, medem 8 a 18 cm de comprimento, com folíolo alterno e elíptico, seu ápice obtuso a retuso e mucronado. As flores panículas de cor creme ou esverdeada, zigomorfas, diclamídeas, de corola dialipétala, dispostas em panículas axilares e apicais. Os frutos são sâmara falciforme glabra. Tem preferência por solos férteis, tanto os situados em baixadas úmidas como os pedregosos.

A madeira é empregada na construção civil, como vigas, caibros, ripas, para confecção de esquadrias, tonéis, cabos de ferramentas, peças curvadas, etc. A árvore é ornamental, principalmente pela copa piramidal com ramos um tanto pendentes, podendo ser usada com sucesso no paisagismo em geral, para o que ainda é pouco utilizada.

PAU-DE-CANGA 3.jpg
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram